Patologista forense afirma que policial brasileiro que tocou na criatura de Varginha tinha bactérias estranhas em seu corpo

“Nunca vi nada parecido em meus 60 anos de prática médica”, disse o Dr. João BM Janini.

Os dados foram revelados pelo cineasta e pesquisador James Fox, conhecido por ter lançado recentemente  um documentário sobre o caso Varginha (1996), um OVNI que caiu no Brasil onde foi recuperada uma criatura alienígena viva — uma forma de vida baseada em amônia, segundo as últimas detalhes revelados. A Fox continuou investigando o incidente, tentando trazer à tona mais testemunhos e informações que possam complementar e corroborar o que já foi afirmado. Assim, apareceu outra testemunha, o patologista forense que analisou o corpo do policial Marco Chereze , que tocou o ser alienígena com as próprias mãos durante sua apreensão.

Em poucos dias, o oficial ficou gravemente doente e foi hospitalizado com perda de uso em todos os membros. Deteriorou-se rapidamente, não apresentando resposta a nenhum tratamento.

“A verdadeira história é sobre a bactéria que encontrei no corpo do militar falecido. Foi como uma arma letal para o sistema imunológico dele”, disse o Dr. Janini mostrando o registro da autópsia. Por enquanto não se sabe muito mais por se tratar de uma investigação em andamento, embora o cineasta tenha prometido que em breve divulgará os detalhes sobre o assunto, incluindo a digitalização do documento apresentado pelo patologista forense.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *